José Saramago: tudo, provavelmente, são ficções; mas a literatura é vida

ISBN: 9788578710149
Eula Carvalho Pinheiro
144 páginas | 16 x 23 cm
R$ 49,00

José Saramago: tudo, provavelmente, são ficções; mas a literatura é vida analisa a primeira fase da obra saramaguiana, a fase “estátua”: do romance Manual de pintura e caligrafia à História do Cerco de Lisboa. Para Pilar Del Río é livro indispensável para os que amam a obra de Saramago, ou seja, ao autor que construiu a realidade à base de ficções que nos fortalecem e dignificam.”

Sumário da obra:

Prefácio Pilar del Río | Apresentação Eula Pinheiro

Traçando um caminho
Manual de Pintura e Caligrafia: ponto de partida
O diálogo com a literatura
“Todos os caminhos portugueses vão dar a Camões”
“O poeta é um fingidor”: o jogo intertextual e o texto como construção
O diálogo com a Bíblia
O diálogo com a tradição oral
Saramago conversa com Saramago
História do Cerco de Lisboa: “toda a verdade é ficção” .

Posfácio Domingos Lobo | Bibliografia | Lista de obras de José Saramago e abreviaturas | Caderno de fotos (em cores)

Eula Pinheiro, a autora

Eula Carvalho Pinheiro nasceu em Paraíba do Sul, RJ. Graduou-se em Letras pela Universidade Federal de Juiz de Fora –UFJF, Mestre pela Universidade Federal do Rio de Janeiro – UFRJ. Há 27 anos lê a obra de José Saramago. É, no momento, investigadora de doutoramento em Lisboa: acolhida pela Fundação José Saramago. Cursa o doutoramento na Universidade Nova de Lisboa. Colabora com a Fundação José Saramago com o objetivo e a vontade de levar adiante o estudo da obra saramaguiana e sua consequente divulgação a todas as pessoas que desejarem conhecer a escrita e a vida de José Saramago.

Repasse a todos
  • email
  • RSS
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • Tumblr
  • PDF
  • Print
  • Facebook
  • MySpace
  • Digg
  • del.icio.us
  • Add to favorites

Leave a Reply